eu sou neguinha!

neguinhasou.jpg“É o que parecia que as coisas conversam Coisas surpreendentes fatalmente erram, acham solução e que o mesmo signo que eu tento ler e ser é apenas um possível ou impossível em mim em mim em mil em mil em mil
E a pergunta vinha: Eu sou neguinha?
Eu sou neguinha!

(Caetano Veloso)

Sou negra!

Sou negra cheia de orgulho da força desta raça.

Isso é o que digo hoje. Mas sei que cada negra e cada negro capaz de expressar este orgulho hoje passou por um processo.

Lembro-me de alguns flashes do meu: algumas discriminações no início do ensino fundamental. Outros na adolescência (não apenas na escola mas também no precoce início da vida profissional). Logo em seguida o contato frequente com o tal preconceito velado, situações das quais estaria teoricamente excluída por fazer parte do convívio do criminoso (racista) em questão. Sem esquecer, claro, das piadas tão naturais que colocavam negros e negras em posições desagradáveis. Pois então, o meu processo se deu não isolado de um processo histórico-cultural cheio de mudanças e vitórias para o povo negro.

 

~°Oo

No início nem eu mesmo compreendia minha resistência ao alisamento dos cabelos. Desde a adolescência alimento certo horror a salões de beleza. Gosto de ser parceira de meus cabelos sem depender de nenhum profissional para isso. As mulheres de minha família insistiram, mas desistiram. Trilhamos nosso caminho, eu e meu cabelo, sem necessariamente agradar o mercado. Hoje sei que próximas a essas raízes de meus cabelos teimosos estão as idéias de pertencimento a uma raça históricamente forte, alegre, criativa e COLORIDA.

~°Oo

Sou fruto de miscigenação. Bendita fruta de mistura. Não compartilho de idéias de segregação, pois gosto de ver compartilhadas as evoluções culturais universais sem que isso represente o fim da essência cultural de cada povo envolvido.

~°Oo

A data de hoje é uma conquista deste povo de ZUMBI (não de Isabel!).

CONSCIÊNCIA é conquista pessoal, social e cultural de cada negro e negra embalados por este movimento de valorização de nossa cultura. A CONSCIÊNCIA é processo!

Eu? Eu sou neguinha? Eu sou neguinha!!!

 

 

 

 

 

Anúncios

7 comentários sobre “eu sou neguinha!

  1. Eu já sabia, mas deixe-me dizer algo:

    Pelo design do seu blog eu pensei que fosse branca. Porque, como você mesma disse, o povo negro é colorido. Exemplo: Olodum não teria graça se fosse todo em tons pastéis.

    Mas enfim, a sociedade é cheia dessas idiosincrasias. Ninguém está livre dos preconceitos, japonês, loira, cabeludo, gordo, magro, gay, negro, narigudo, barrigudo, baixinho etc.

    Beijos

  2. tão bonito é as tranchinhas da Elly. Com seu sapatinho e saia rodada… aquela é a Elly. Você conhece a Elly? Ela é minha amiga. Com ou sem melanina, ela diz que é neguinha… neguinha com banto eu. Banto sou… de descendência africana… como minha mãe e meu avô. África em mim em cada passo que dou… como aquele neguinho nenê que nasceu lá em Belém. Gosto de minha pele, do meu nariz, boca e cabelo… gostou do que sou de e minhas raízes… gosto de dizer: amo ser negro! visto a minha pele.

  3. é isso ai !somos negras com orgulho !!!
    não importa o q os outros dizem !
    não nos importamos com a ingnorancia alheia !!!

    é a nossa raça, é a nossa cor SOMOS TODOS NÓS !!!

    *OBS: no momento curtindo a vida com o cabelo rastafari!!!

  4. Eu tambem sou neguinha, e se assim sou, sou feliz. Como todo negro consciente, procuro ajudar as pessoas a minha volta a ter respeito pela diversidade racial. Negros, brancos, amarelos, peles vermelhas e outras cores, unidos somos melhores. As tintas se misturam, tem mais cor, mais ginga e mais criatividade.
    Mas nossa história não pode ser esquecida, nossa mãe África ainda é vítima de guerras, fome e miséria, tudo fruto de um preconceito doente que assola esse mundo desde muito tempo. E o que fazer?
    Lutar e ter orgulho da cor!
    Eu sou neguinha, meu coração é a liberdaaaaaaaaade.

  5. Racismo é ser superior ??Ou tão inerior que a idéia de humilhar ou escluir seja tão necessária para se fazer feliz.Note que há igrejas e templos implorando para que acreditemos em um deus unico em irmandade social ,mas quando eu era excluida para festas e namoricos eles eram superiores e eu inferior.Meus cabelos crepos saum feios minha , eu desengonçada e ignorada .Mas acuso o meu fracasso com meu baixo ego.SOU LINDA.Aliso meus cabelos pelo simples fato da praticidade.VC é Linda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s