ploft!

bblt

Uma comerciante joga uma lagarta na Avenida Perimetral com uma pá, quando poderia ter jogado no gramado próximo ali do ponto de ônibus, que conta com uma área verde considerável. Um ônibus passa. Plóft! Evitamos olhar, mas não teve como não ouvir…Cae e eu ficamos embargados pela borboleta que viria…

Por que e quando será que, humanos, chegamos a esta falta de poesia?

Ao desabafar numa rede social, me senti acolhida por outras pessoas que ainda dão importância à beleza da borboleta. Isso foi bom como um abraço, porque com tudo de bom que ainda nos aconteceu depois do episódio, ele ainda me martelava de leve no fim do dia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s